SAÚDE BUCAL DE IDOSOS DEPENDENTES E CONHECIMENTOS DO CUIDADOR: REVISÃO INTEGRATIVA

Cariles Silva Oliveira, Carmem Sílvia Laureano Dalle Piagge, Túlio Pessoa Araújo, Edilene Araújo Monteiro

Resumo


Objectivo: identificar o conhecimento de cuidadores sobre a saúde bucal de idosos dependentes. Método: realizada pesquisa sobre a temática nas bases de dados Medline por meio do PubMed, Cinahl, PsycINFO, Web of Science e Scopus, com o uso dos descritores indexados “frail elderly”, “oral hygiene”, “oral health” e caregivers. 85 artigos foram encontrados e 4 compuseram a amostra. Resultados: Cuidadores apresentaram déficit de conhecimentos quanto aos cuidados orais mais adequados para o idoso, principalmente os funcionalmente dependentes. Também mostraram dificuldades para implementar o aprendizado, visto a complexidade das demandas assistenciais e a falta de formação continuada. Conclusões: O cuidador frequentemente encontra-se diante de demandas assistenciais complexas que o levam a priorizar outras ações em detrimento dos cuidados com a saúde bucal. São necessárias ações que abordem a sua atividade, desde a sua formação, com a oferta de conhecimentos sobre saúde bucal, bem como políticas públicas para o cuidado, em que o seu processo de trabalho seja considerado como influenciador da assistência. Descritores: Idosos frágeis; higiene oral; saúde bucal; cuidadores.

Texto Completo:

PDF (PT)


DOI: http://dx.doi.org/10.24902/r.riase.2019.5(1).%p

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




ISSN 2183-6663

REVISTA INDEXADA: DOAJ| Directory of Open Access Journals