A problemática do desenvolvimento e crescimento económico: revisitar conceitos, teorias e modelos

Paula Reis, Maria da Saudade Baltazar

Resumo


O conceito de desenvolvimento tem sido um dos mais importantes das nossas sociedades contemporâneas e um dos mais controversos nas ciências sociais, ao verificarem-se demasiadas interpretações da noção de desenvolvimento que contribuem para uma certa confusão e/ou indefinição conceptual, em parte, associada à evolução política e socioeconómica dos países e às vivências dos indivíduos. É, por estes motivos, entre outros, como os problemas com que a Europa e o resto do mundo enfrentam, em pleno século XXI, que as reflexões e os diálogos perduram no interesse científico.

Nestes últimos 70 anos, e em particular nos últimos 50 anos, o desenvolvimento conheceu várias conceções, tornando-se mais complexo na sua conceção e aplicação, mas também assistimos a um esforço dos teóricos em romper com a forte associação entre desenvolvimento e crescimento económico. Paralelamente, assistiu-se ao despontar de novas conceções teóricas e experiências no terreno que refletem o caráter multidimensional deste fenómeno.

Neste artigo, pretendemos delimitar os principais traços evolutivos do conceito e das práticas de desenvolvimento através da apresentação e reflexão das principais teorias e modelos do pensamento económico nos últimos anos, como também apresentar os fatores que provocaram o aparecimento de novas concetualizações teóricas e práticas de desenvolvimento, os princípios orientadores das novas abordagens alternativas de desenvolvimento e o quadro concetual e metodológico do novo paradigma de desenvolvimento endógeno.

Texto Completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


ISSN impresso: 2183-9220   |   ISSN eletrónico: 2184-2647

Revista Indexada no Diretório e Catálogo  do Latindex com o Folio n.º  26777

 Apoios:
CICS.NOVA

Com a colaboração técnica dos Serviços de Informática da Universidade de Évora